Quarta, 23 de janeiro de 2019
(37) 99103-6865
No ar
Madrugada Especial
Notícias

27/12/2018 ás 12h44 - atualizada em 02/01/2019 ás 09h32

Redação

Campos Altos / MG

Mulher agride cadela em BH, vizinha filma e vídeo gera revolta nas redes sociais
Imagens flagram o momento em que a agressora bate no animal e a reação dela ao constatar que era filmada.
Mulher agride cadela em BH, vizinha filma e vídeo gera revolta nas redes sociais
Foto: Reprodução

Autoridades acompanham o caso de agressão e maus-tratos a uma cadela, que aconteceu nessa terça-feira no Bairro Providência, na Região Norte de Belo Horizonte. Imagens que circulam nas redes sociais desde essa terça-feira mostram uma mulher na entrada de uma casa batendo, puxando as pernas e jogando água no animal, que chora desesperado.


Uma vizinha do imóvel onde aconteceram as agressões, identificada como Lorena Duque, filmou o momento da violência e divulgou em suas redes sociais. A mulher ainda acionou a Polícia Militar, por volta das 16h45, que compareceu ao local e registrou um Boletim de Ocorrência. De acordo com o documento, a mulher que flagrou a violência contou aos militares que, em outras ocasiões, também presenciou a moradora da casa cometendo agressões contra o animal. A testemunha disse ainda que a mulher mora sozinha, não recebe visitas e sequer tem energia elétrica em casa. A suspeita, segundo o boletim da PM, é de que ela sofra de transtornos mentais. 


No vídeo, que tem continuidade em outros dois trechos de imagens, é possível ver que a mulher agressora discute com a vizinha, inclusive pegando uma mangueira para lançar água em sua direção, em uma tentativa de impedir o registro. Milhares de pessoas demonstram revolta nas redes sociais. Até o início da noite dessa quarta-feira, o post de Lorena Duque no Facebook já registrava mais de 127 mil visualizações e 8,7 mil compartilhamentos de pessoas revoltadas com as cenas de agressão contra a cadela.


Nesta quarta-feira, a Delegacia Especializada de Investigação de Crimes contra a Fauna da Polícia Civil assumiu caso e agentes estiveram no endereço da ocorrência para averiguar a denúncia. Segundo a corporação, a investigação correrá em sigilo daqui para frente, devido à grande repercussão que o fato alcançou, gerando denúncias e ligações de todas as partes do país. 


Ainda de acordo com a Polícia Civil, processos legais de apuração foram abertos, mas a corporação não divulga se a cadela foi resgatada na visita ao imóvel nesta quarta-feira. Para os policiais, qualquer vazamento de informação pode distorcer as condições reais da ocorrência, tirando o que realmente aconteceu de contexto. 


Diante da grande comoção, a polícia ainda solicita que as pessoas parem de ligar para a delegacia, uma vez que a primeira denúncia feita já gerou o registro oficial do Boletim de Ocorrência, e as investigações já foram iniciadas. Segundo a Polícia Civil, com o andamento das averiguações nos próximos dias, a coorporação divulgará uma posição oficial, informando os veículos de imprensa e a população sobre o caso. 


Em Minas Gerais, a lei 22.231, criminaliza e pune quem pratica maus-tratos e crueldade contra os animais.


Veja o vídeo:


 



 

FONTE: Estado de Minas

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium